Home » Pratos de Carne » Outras Carnes » Bife à Marrare


Dezembro 29, 2010 | Visitas: 2
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...
Bife à Marrare
Autor: 
 

Ingredientes
  • Por pessoa
  • •1 bife alto do pojadouro (200 g) ;
  • •80 g. de manteiga ou margarina ;
  • •3 colheres de sopa de natas ;
  • •sal ;
  • •pimenta preta em grão;

Preparacao
  1. Numa frigideira de ferro ou de aço bem forte, derrete-se em lume vivo metade da manteiga ou da margarina.
  2. Quando estiver bem quente, introduz-se o bife e deixa-se alourar de um dos lados.
  3. Vira-se o bife sem o picar e aloura-se do outro lado.
  4. Esta operação, que deve ser relativamente rápida, tem por fim evitar que o suco da carne saia.
  5. Tempera-se com sal grosso e pimenta moída na altura.
  6. Escorre-se da frigideira a gordura em que o bife fritou (conservando o bife) e junta-se a restante manteiga.
  7. Reduz-se a chama e deixa-se cozer o bife durante uns minutos, agitando a frigideira.
  8. Adicionam-se as natas e deixa-se engrossar o molho, continuando a agitar a frigideira.
  9. Coloca-se o bife num prato aquecido e rega-se com o molho.
  10. Serve-se acompanhado com batatas fritas em palitos, dentro de um prato coberto com um guardanapo.
  11. Este bife, que hoje é vulgarmente designado por “bife à café”, foi a especialidade que imortalizou um dos mais célebres cafés de Lisboa do principio do século, o Marrare das Sete Portas. Foi seu proprietário um homem de grande requinte, nascido na Galiza, de apelido Marrare. No café Marrare se reuniam os boémios, os aficionados e os marialvas da época. O serviço, exemplar, era feito em recipientes e talheres de prata legítima e, para as iguarias poderem ser ali mais bem apreciadas, era proibido fumar.

© 2006-2017 Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade | Contacto: maisreceitas@gmail.com