Dezembro 13, 2010 | Visitas: 2
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...
Porco no Rolete
Autor: 
 

Ingredientes
  • 1 porco de aproximadamente 30 kg
  • 2 kg de farinha de mandioca
  • 1½ kg de sal
  • 1½ kg de carne moída
  • 1 kg de tomates
  • 1 kg de linguiça calabresa
  • 1 kg de cebola
  • 1 kg de farinha de pão
  • 300 g de bacon
  • 12 ovos
  • 2 copos de vinho branco seco
  • 4 pimentões
  • 4 latas pequenas de milho verde
  • 3 latas pequenas de ervilhas
  • 2 latas pequenas de massa de tomate
  • 2 latas de pomarola
  • 3 vidros médios de palmito
  • 3 vidros médios de cogumelos
  • 1 vidro médio de azeitonas
  • 1 pacote de louro
  • 1 noz-moscada
  • pimenta, alho, alecrim, alfazema, salsa, cebolinha verde a gosto
  • Tempero:
  • Dissolver 1 kg de sal num copo de vinho, com um pouco de água (até obter um tipo de massa fina) que deve ser passada nas partes internas e externas do porco.
  • Num recipiente, dissolver ½ kg de sal, 1 copo de vinho, juntar a pimenta, o alho, o louro , a alfazema, o alecrim.
  • Misturar tudo com água suficiente (4 litros) para cobrir o porco deixando-o submerso nestes temperos, por aproximadamente 10 horas.
  • Injectar o mesmo tempero por toda a peça, com uma seringa bem grossa.
  • Recheio:
  • Fritar em fogo brando o bacon, a linguiça calabresa, a cebolinha verde, a salsa, o louro, a alfazema, o alecrim.
  • Juntar posteriormente a carne moída, o tomate, o pimentão, a massa de tomate, a pomarola, a cebola, a noz-moscada, triturando mais um pouco.
  • Tirar do fogo e ao esfriar, acrescentar a azeitona, o milho verde, a ervilha, o palmito e os cogumelos, juntando ainda a farinha de mandioca e a farinha de pão para o recheio ficar bem consistente, acrescentando por fim, os ovos bem cozidos e picados, além de sal a gosto.

Preparacao
  1. Tirar o excesso de sal, enfiando o porco nos espetos apropriados.
  2. Em seguida enchê-lo com o recheio costurando-o com um barbante resistente.
  3. Assar em braseiro médio, durante um período entre 6 à 8 horas, dependendo do tamanho do porco, sempre girando na mesma direção e velocidade.
  4. Espetar o assado com um objecto pontiagudo, para sair a gordura e não romper o couro, que deve ser limpo cons tantemente, para retirar o excesso de banha, evitando assim, que pegue fogo.
  5. Bom apetite.
  6. Nota:
  7. Assar um animal, inclusive o porco, num espeto, é um costume que historicamente não se pode precisar a origem, uma vez que diversos povos usaram, e continuam usando a técnica.
  8. Mas a maneira como o porco é preparado, em Toledo já não pode mais ser considerada uma técnica e sim uma arte.
  9. Consiste em assar inteiro, um suíno de aproximadamente seis meses (o mais indicado é o resultado da cruza entre animais das raças landrace e large white, por ser da espécie carne).
  10. Um mês antes do abate, é trocada sua alimentação, para diminuir a banha, sem perder o peso, que quando limpo, deve pesar em torno de 30 kg.
  11. Previamente temperado e recheado com cerca de 30 condimentos ou até mais de acordo com a imaginação e o segredo de cada assador, o porco assim preparado, torna-se a verdadeira delícia dos gourmets.

© 2006-2017 Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade | Contacto: maisreceitas@gmail.com